A nova marca do Be Currículo Bilíngue, com enfoque no Be que representa o ser bilíngue, se tornar bilíngue. Dois balões, um em cor azul e outro em cor verde, representa o trânsito natural entre as duas línguas, o português e o inglês. Por fim, Currículo Bilíngue representa a sabedoria e o conhecimento pedagógico do Be Currículo Bilíngue, como a melhor solução bilíngue para escolas.

Ciências no contexto bilíngue: uma união poderosa

4 min

A Educação Bilíngue é um aspecto importante do nosso sistema educacional atual. Ela oferece aos estudantes a oportunidade de aprender e de construir sua identidade em mais de um idioma, permitindo maior desenvolvimento cognitivo e compreensão cultural global. No campo das Ciências, a Educação Bilíngue desempenha um papel crucial no estímulo à compreensão científica em comunidades diversas. 

 

Uma questão que permeia a rotina de educadores bilíngue é: como envolver efetivamente os estudantes nessa experiência de aprendizagem única?

 

Por que Ciências em contextos de ensino bilíngue? 

Ciências é uma linguagem universal que transcende as fronteiras culturais. Ao envolver os estudantes em Ciências no contexto bilíngue, os educadores podem auxiliá-los na compreensão dos conceitos científicos e no desenvolvimento das habilidades linguísticas em vários idiomas. Essa abordagem não apenas promove o crescimento acadêmico, mas também ajuda os estudantes a preencher a lacuna entre culturas e comunidades.

 

Benefícios do ensino de Ciências em contextos bilíngues 

O bilinguismo é um fenômeno, pois apresenta inúmeros benefícios. E, quando combinado com o estudo das Ciências, pode criar uma poderosa experiência de aprendizado. Ao explorar conceitos científicos em um contexto bilíngue, os estudantes colocam-se predispostos a se desenvolver em diversas áreas da vida, como:

 

  1. Habilidades linguísticas aprimoradas – Quando os estudantes aprendem conceitos científicos em vários idiomas, sua proficiência linguística melhora tanto na língua de nascimento quanto no segundo idioma. Essa transferência interlinguística fortalece sua compreensão geral das habilidades linguísticas.
  2. Compreensão cultural – A educação científica no contexto bilíngue oferece aos estudantes oportunidades de explorar ideias científicas em diferentes contextos culturais. Essa exposição os incentiva a apreciar e valorizar a diversidade, promovendo uma compreensão mais profunda de diferentes culturas e perspectivas.
  3. Desenvolvimento cognitivo – A Educação Bilíngue tem sido relacionada a habilidades cognitivas aprimoradas, como resolução de problemas, pensamento crítico e criatividade. Quando os estudantes se envolvem com conceitos científicos em vários idiomas, eles são desafiados a pensar de forma flexível e adaptar sua compreensão em diferentes contextos linguísticos.
  4. Capacitação multilíngue – Ao incorporar elementos bilíngues na educação científica, os estudantes são convidados e capacitados pelos educadores  a utilizar suas habilidades linguísticas e contribuir para discussões científicas. Isso aumenta a confiança dos estudantes e os incentiva a participar ativamente da comunidade científica.

 

Estratégias para envolver os estudantes em Ciências no contexto bilíngue 

Como vimos anteriormente, a aprendizagem científica pode ser uma experiência envolvente e estimulante para os estudantes em contextos bilíngues. Mas como envolvê-los nesta proposta? Aqui estão algumas estratégias poderosas:

 

  1. Use suporte visual – Use recursos visuais – como diagramas, gráficos e ilustrações – para apoiar a compreensão dos estudantes sobre conceitos científicos. As imagens podem fornecer uma ponte entre os idiomas e ajudar os estudantes a fazer conexões entre diferentes sistemas linguísticos.
  2. Apresente exemplos culturalmente relevantes – Incorpore exemplos e estudos de caso de diferentes culturas e comunidades para envolver os estudantes no contexto bilíngue. Essa abordagem não apenas promove a compreensão cultural, mas também ajuda os estudantes a relacionar conceitos científicos à própria vida. 
  3. Recorra a recursos multilíngues – Forneça acesso a recursos científicos em diferentes idiomas, incluindo livros didáticos, artigos online e vídeos. Isso permite que os estudantes explorem o conteúdo científico em seu idioma preferido, reforçando sua compreensão e expandindo sua base de conhecimento.
  4. Tenha um Caderno de Ciências para cada estudante – Modele com os estudantes como organizar, personalizar e usar este caderno como um recurso de estudo. Existem inúmeras formas de trabalhar com um Caderno de Ciências. Por exemplo: como um glossário para novas palavras, um diário de acompanhamento de experimentos ou até mesmo como espaço para anotações de hipóteses, análises ou observações. Todos esses registros reforçam a aprendizagem e são excelentes fontes de evidências de aprendizagem, facilmente utilizadas em processos avaliativos autênticos, assim como fazemos no Currículo Be.

 

Ao implementar estratégias como essas, os educadores podem criar um ambiente de aprendizagem dinâmico e inclusivo para os estudantes em um contexto bilíngue, promovendo engajamento e sucesso na aquisição dos conceitos e conhecimentos científicos. Além disso, os estudantes podem desenvolver efetivamente suas habilidades de investigação, de exploração e de levantamento e testagem de hipóteses.

 

O Currículo Be optou por incluir o componente de Ciências por acreditar nos benefícios de desenvolver um currículo completo, com conteúdos universais e facilmente relacionáveis para estudantes brasileiros de diferentes regiões.

 

O currículo de Ciências do Be, baseado em um dos seus principais pilares – a taxonomia de Bloom –, traz dinamismo e incentiva práticas com experimentos que permitem que os estudantes e educadores dialoguem, explorem e criem hipóteses juntos. Esses experimentos também fornecem experiências individuais, nas quais os estudantes podem registrar e compartilhar suas perspectivas únicas.

 

À medida que continuamos a abraçar o poder da Educação Bilíngue, é essencial reconhecer o papel das Ciências na promoção do sucesso acadêmico e da apreciação cultural em comunidades diversas, capacitando nossos estudantes a se tornarem pensadores críticos e cidadãos globais.

 


 

Picture of Victoria Catarino

Victoria Catarino

Assessora pedagógica do Be - Currículo Bilíngue. Graduada em Pedagogia pela Universidade Paulista de Campinas (UNIP). Pós-graduada em Educação Bi/Multilíngue pela Faculdade Venda Nova do Imigrante (FAVENI). MBA em Gestão Escolar pela Universidade de São Paulo (USP). Educadora há 8 anos, com experiência em Educação Infantil e anos iniciais em escolas bilíngues e internacionais. Certificada em Linguagem e Literatura, Estratégias de Diferenciação de Planos de Aula e Educação Socioemocional.
Search

Conteúdos mais lidos

Como educadores precisamos cada vez mais mergulhar na fascinante interseção entre a neurociência e a educação explorando como o conhecimento

Por Pedro Brandão | Coordenador geral da equipe Pedagógica do Be 8211 Bilingual Education A educação bilíngue tem sido um